27 dezembro 2012

Réveillon com crianças


Então, hoje é o dia da minha estreia nesse Cantinho tão bacana, recheado de mamãe coruja! 

E quem não é, que atire o primeiro mouse!

E eu fiquei pensando, pensando, o que vou escrever bem nessa data, em meio a tantos preparativos, resoluções, decisões e promessas para 2013?!

E lembrei de uma historinha.

Nessa época, é comum as família se reunirem. As casas ficam cheias de crianças correndo, os adultos estão alegres comendo e bebendo, brindando o novo ano cheio de expectativas que está prestes a começar.

E foi em um final de ano desses da década de oitenta (oi?), que tomei meu primeiro porre. 
Aos dois anos!
Sim cara leitora, você não se enganou, aos dois anos. 
Com champagne - porque eu sou chique benhê!

Ninguém sabe ao certo como tudo aconteceu. Minha mãe estava envolta nos preparativos da ceia, meus irmão mais velhos brincavam, os tios papeavam. E no meio disso tudo eu resolvi experimentar o conteúdo dos copos.

Claro que não lembro de nada (idade? álcool?), é provável que eu nem tenha bebido muito, mas pela pouca idade o negocio me pegou! 
E reza a lenda que eu achava que estava doente e chorava pedindo pra ir no hospital - percebam como eu estava meio altinha, já viu criança chorando pra ir no médico?!rs

Minha mãe não atendeu o meu pedido. Me deu um banho gelado e me colocou pra dormir. 

**
Então eu lembrei de dar umas dicas pro réveillon da meninada. Em prol da moral e dos bons costumes!
Afinal todo cuidado com as crianças (levadas, tipo eu!) é pouco. 
  • Deixe-as longe de bebidas alcoólicas- aquela velha máxima de que criança cega os pais está sempre em alta.

  • Se você for passar o réveillon em um lugar muito movimentado, lembre de colocar um crachá nas crianças com seu nome e seu telefone. Marque com as crianças maiores um ponto referencia.

  • Não deixe uma criança maior cuidando de outra menor, criança é criança e não tem obrigação de estar atenta, afinal é festa e ela vai querer se divertir.

  • Para quem vai pra praia, lembre de levar uma bolsa térmica com comidinhas e bebidas (sem álcool, por favor! rs) pras crianças.

  • Com relação aos fogos, é importante manter as crianças longe de quem vai soltá-los e longe do lugar onde a queima de fogos acontecerá. Para crianças pequenas, que geralmente tem medo do barulho, ressalte a beleza do evento.

E no mais, é diversão!

Aproveito pra deixar aqui meus votos de um Feliz Ano Novo, cheio de realizações, saúde, paz e dinheiro no bolso de todo mundo!


Postado por: Ivna Pinna

19 comentários:

  1. Amei as dicas, muito boas mesmo!
    Adorei ver minha amiga Ivna aqui!
    Sucesso a esse cantinho!!

    Beijos!

    www.mamaenadia.com
    www.asosmamaenadia.com

    ResponderExcluir
  2. Menina, que perigo!! Mas eu ri...rsrs
    Todo cuidado é pouco mesmo!
    Bjs e parabéns pela estreia.
    Genis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois não 'e amiga, qndo a gente menos espera as crianças aprontam, aprontou e tive meu primeiro pilequinho, 'e mole? Obrigada pelo carinho! Beijos

      Excluir
  3. Menina, que perigo!!!
    Muito legal o bom humor que você tratou a situação, mas amedrontador, viu?
    Misericórdia!!!
    Quanto aos fogos, aqui Garotão ama... pode acreditar!!! hehehehe!!!
    Um beijo!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Imagino a minha mãe me vendo nesse estado!! Tadinha!! rsrs
      Aqui o filhote não fica tão a vontade com os fogos, sempre rola um drama!
      Beijos

      Excluir
  4. Ivna, que perigo! rs. Sabe que nunca me passou pela cabeça que isso poderia acontecer?
    Ótimas dicas

    E como tu era levada, hein amiga? kkkk
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amiga eu fui mesmo bem levada, que o filhote NUNCA saiba disso!! haha

      Beijos

      Excluir
  5. Ah, menina danada: bebendo aos 2 anos!! rssssssssss
    Não pode-se dizer que não aproveitou a festa- brincadeirinha.
    A minha filhota um dia destes tomou o restinho do meu " remédio"- que é como chamo a cerveja aqui em casa e ela achou horrível. Ainda bem!
    Bj e Feliz Ano Novo!

    ResponderExcluir
  6. Amiga, tbm experimentei cerveja na infância, (acho que era uma pinguça em potencial), graças a Deus que não gostei!!!! haha
    Mas hoje em dia tbm tomo esse remedinho:)
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. CAramba que coisa, ainda bem que não aconteceu nada.
    bjs ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, mas o susto deve ter sido grande!
      Beijão

      Excluir
  8. caracaaa jura????????
    Nossa senhora protege mesmo as criancinhas ... hehe
    bem vinda ao cantinho! bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Roberta, só mesmo muita proteção pra criança né? Ainda bem que mãe conta com proteção divina!!!!
      Obrigada pelo carinho!
      Beijos

      Excluir
  9. Bem vinda Ivna e q post divertido kkkk tive q rir, mas nos serve de lição pra redobrar os cuidados.
    Dicas ótimas q vc deixou, bjss
    http://cphilene.wordpress.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Criança pimentinha 'e mto bom, mas o cuidado 'e redobrado!
      Obrigada pelo carinho!
      Beijos

      Excluir
  10. Bom dia minha linda..
    Menina eu sei que não é de rir, mas você contando é muito engraçado.. Gente fiquei aqui imaginando a cena rsr
    Adorei as dicas, ser coruja nessas horas é indispensável.
    Um beijo minha linda e que seu dia hoje seja megalindo..

    ResponderExcluir
  11. Amiga, depois que passa a gente ri né?
    Obrigada pelo carinho!
    Beijão

    ResponderExcluir
  12. Oi comadre! Meus parabéns pela estréia nessa casa! E com uma mensagem tão importante que nos alerta contra o perigo. Feliz Ano Novo para todas as Mamães Corujas! Beijos!

    ResponderExcluir
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...